EmpreendedorismoGestãoGestão de Finanças

Conheça a metodologia de produtividade usada no Vale do Silício e melhore os resultados da sua empresa!

3 Mins read

Defina e alcance metas individuais e em equipe com mais facilidade

Desde que o Vale do Silício começou a se popularizar como o berço de startups de sucesso, tudo o que está relacionado ao local rapidamente ganha interesse de empreendedores do mundo todo. Uma das tendências que estão fazendo sucesso por lá é a metodologia OKR. Já ouviu falar nela?

OKR é a sigla para Objectives and Key Results, e é um sistema que tem como objetivo definir metas de forma simples e eficiente. Foi criado pela Intel e utilizado por várias empresas, como o Google, Twitter e Dropbox.

Mas exatamente o que é um OKR? Vamos a um exemplo: se você quer melhorar a presença da sua marca no Facebook, pode definir como OKR a publicação diária de suas publicações, uma de manhã e outra à noite, com linguagem acessível e links para conteúdo próprio publicado no seu blog. É claro que nos negócios você pode e deve detalhar muito mais suas próprias OKRs e ter uma lista delas.

Mas o cerne do OKR é criar uma estrutura em que toda a empresa tenha a cultura de definir metas estratégicas e cumpri-las de forma coordenada. Veja o passo a passo para fazer isso no seu negócio.

Comece entendendo seu próprio negócio

Uma vez que o OKR não é apenas um processo, mas uma cultura que deverá fazer parte da identidade da sua empresa e da forma como seus funcionários trabalham, é necessário conhecer bem seu próprio negócio antes de iniciar o processo.

Identifique a forma pela qual sua empresa lida com as metas até agora, perceba se os processos de conquista de objetivos são diferentes de um departamento para o outro e o que pode ser melhorado em cada um deles.

Perceba, também, entre seus funcionários, quais são aqueles que lidam melhor com as metas e como eles as enxergam: como motivação para crescer ou com ansiedade de não conseguir cumprir o desejado?

Entendendo melhor esses pontos você será capaz de adequar a estratégia de implantação do OKR à realidade da sua empresa.

Apresente o OKR como uma nova e melhor forma de trabalho

A cultura do OKR só se instaura verdadeiramente e faz uma empresa prosperar quando não só todos os objetivos estão interligados, mas as pessoas entendem que os sucessos individuais e coletivos andam juntos e percebem a importância do trabalho de todos para alcançar as metas.

Por isso, é muito importante que você apresente o OKR como uma nova forma de trabalho que vai ajudar a equipe a se tornar mais produtiva, trabalhar melhor junta e crescer. Dessa forma, todos ganham!


banner_uolmn_facebookads_academia

Aprenda a quantificar e qualificar os OKRs

Existem alguns pontos interessantes na criação dos OKRs que devem ser adotados por todos. O primeiro deles é que a descrição de cada meta precisa ser obrigatoriamente objetiva. A intenção e a forma de atuação precisam ser descritas de maneira concisa e prática para que sejam facilmente entendidas e memorizadas.

Outros aspectos que devem receber atenção são: os OKRs precisam ser quantificados, isto é, precisam ter números, sempre devem ser discutidos e acordados entre a gerência e os profissionais, podem ser divididos em metas macro e micro, e deve haver um número limitado de cada um deles.

Há, também, uma qualificação para os OKRs, que podem ser Top Down ou Bottom Up. O modelo tradicional de metas é Top Down, em que o gestor decide os objetivos e os repassa para a equipe. Já o esquema Bottom Up é aquele em que os objetivos são definidos pelo próprio profissional que trabalha no projeto. Normalmente, 60% dos OKRs são Bottom Up.

Isso significa que, diferentemente de outras formas de gestão, em que a diretoria cria as metas a ser alcançadas e os funcionários apenas as cumprem, a maioria dos OKRs tendem a ser criados pelos próprios profissionais que vão realizar o trabalho. E mesmo quando o direcionamento vem de cima para baixo, tudo deve ser conversado e acordado com todos os participantes.

Na prática, é como se o presidente da empresa definisse que o OKR Top Down é aumentar o faturamento em 50%, e o gerente de vendas, em conjunto com a sua equipe, determinasse como OKRs Bottom Up aumentar o número de envios de e-mail marketing, criar duas campanhas promocionais por mês e investir em estratégias de marketing de conteúdo e redes sociais.

Se todos os OKRs Bottom Up forem cumpridos com sucesso, as chances de o OKR Top Down também ser alcançado é muito grande!

Essa dinâmica mostra à equipe que eles também têm controle do trabalho e dá a eles a oportunidade de criar objetivos mais reais. Afinal, quem melhor do que os próprios funcionários para dizer o que é ou não possível fazer e quanto tempo vão levar para isso?

O OKR é uma tendência que já ajudou empresas de todos os portes e tipos a se desenvolver, e agora que você já a conhece também pode usá-la no seu negócio!

Related posts
EmpreendedorismoGestão de FinançasPlanejamento

Saiba como encontrar bons fornecedores para sua loja de decoração

5 Mins read
Quem não gosta de deixar a casa ou o ambiente de trabalho mais bonito e agradável? Diante do sucesso dos itens de…
EmpreendedorismoPresença digital

Como abrir uma loja virtual de produtos cosméticos?

6 Mins read
Quanto tempo costuma durar os seus itens de cuidado pessoal? Quem gosta de cuidar da aparência raramente passa um mês sem adquirir…
EmpreendedorismoJornada do Cliente

Confira modelos de mensagem do Whatsapp para melhorar seu atendimento online

6 Mins read
Você lembra a última vez que usou a função “Ligação” no seu aparelho celular? Você pode até ter esquecido, mas os celulares…