Mães empreendedoras: Como superar os desafios de maternar e empreender?

Mães empreendedoras: Como superar os desafios de maternar e empreender?

A maternidade traz muitos desafios para as mães. De um lado, estão as que mesmo cansadas continuam a sua dupla jornada para dar conta de todas as obrigações. É em meio a esse cenário que surgem as mães empreendedoras

Pensando em aumentar a renda da família, passar mais tempo com os filhos ou realizar um sonho, o fato é que as mães estão cada vez mais presentes no mercado empreendedor. Após a pandemia do coronavírus, cerca de 40% das mães tornaram-se empreendedoras. 

Em uma pesquisa realizada pela Rede Mulher Empreendedora (RME), mostrou que dentre 1.376 mulheres empreendedoras no Brasil, cerca de 55% têm filhos, 44% são chefes de família e cerca de 75% delas decidiram ter o próprio negócio depois de se tornarem mães.

Como conciliar a maternidade com o empreendedorismo? Qual o segredo para ser uma mãe empreendedora? Saiba neste artigo como fazer isso sem culpa!

Dicas valiosas para mães empreendedoras conciliarem negócios e maternidade

De que forma é possível se dedicar a uma empresa e ainda cuidar dos filhos? A resposta não é tão simples, já que cada família possui uma dinâmica diferente. 

No entanto, esse é o desafio de milhares de mulheres pelo país. Conciliar a carreira com a maternidade, pode até mesmo gerar uma certa culpa, levando-as a pensar se estão sendo boas mães e empreendedoras.  

Antes de entrarmos nas dicas, precisamos dizer que tudo é possível quando existe equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. A organização do tempo também é um fator determinante para que tudo fique no seu devido lugar no dia a dia. Vamos às dicas?

Disciplina para separar funções

A disciplina é importante em qualquer área da vida e sem ela não é possível organizar de forma assertiva o seu tempo

A maternidade é um desafio juntamente com o empreendedorismo, pois é possível ter boas ideias de negócio sendo mãe, mas se a empreendedora tem com quem contar para dividir as tarefas, tudo ficará mais leve. 

Pode-se começar a organizar o tempo para que todas as atividades pessoais e profissionais sejam igualmente atendidas durante o dia. 

  • Coloque tudo o que precisa ser feito no papel (ou aplicativo de organização, se preferir)
  • Separe por categorias: pessoal ou profissional
  • De um lado, você coloca todas as tarefas relacionadas à sua vida pessoal: levar os filhos ao médico, ir ao supermercado, fazer academia, dedicar um tempo para cuidar de si e etc.
  • Na parte profissional, pode-se colocar as demandas da vida profissional: escolher fornecedores, conversar com clientes, pagar contas da empresa e etc.

Buscar uma rede de apoio

Quando se pode contar com a ajuda de pessoas próximas ou até familiares, tudo fica mais fácil. Essa rede de apoio poderá te ajudar a:

  • Organizar alguma tarefa doméstica da casa
  • Tomar conta das crianças
  • Ir ao supermercado
  • Pagar algumas contas pessoais ou da empresa 

Quando a mulher tem ajuda de uma pessoa no seu dia a dia, ela conseguirá ter tempo para realizar outras tarefas igualmente importantes, portanto, toda ajuda é bem-vinda para as mães empreendedoras! 

Além disso, existem inúmeros projetos que apoiam as mães que estão à frente do seu negócio. O SEBRAE lista uma série de projetos que estão fazendo a diferença no mundo das mães que empreendem, tais como: 

  • Maternativa, uma startup que reúne mais de 22 mil mães e organiza encontros gratuitos entre elas
  • B2Mamy, uma aceleradora de negócios que promove a interação entre as mães, realizando cursos, congressos e um clube exclusivo para divulgar produtos e uma mentoria
  • Rede Mulher Empreendedora, uma das primeiras redes de apoio ao empreendedorismo feminino no país

Ter resiliência é essencial 

Lidar com as situações difíceis é algo que traz resiliência, pois, à medida que elas vão sendo vencidas com determinação, aceitação e tranquilidade, tudo começa a entrar nos eixos novamente e os resultados positivos começam a aparecer.

As mães empreendedoras sabem que terão desafios pela frente, tanto no cuidado com os filhos, como também na resolução de problemas da empresa, mas a vontade de crescer e se destacar no mercado faz com que elas tentem novamente e persistam até conseguirem o objetivo. 

E lembre-se: você está dando o seu melhor! 

Desenvolver capacidade de autogestão 

A autogestão é uma habilidade importante para equilibrar o que precisa ser feito na empresa e em casa. Assim, a mãe empreendedora poderá ter tempo para ficar com a família sabendo que há horários definidos para todas as atividades profissionais. 

Estabelecer uma rotina para os filhos é essencial para saber do que eles precisam. Algo como: hora para dormir e acordar, se alimentar, tomar banho, passear e fazer as atividades da escola. 

Depois, você pode definir os horários para a sua empresa: criação de relatórios, quando contatar os fornecedores, clientes e demais atividades do seu negócio.

Dica extra: o que é sling e como pode te ajudar 

O sling é uma forma de deixar o seu bebê bem aconchegante enquanto você trabalha. Trata-se de um pano no qual a mãe enrola o pequeno junto de si, como se fosse um canguru.

Além da criança se sentir mais segura, a mãe tem a mobilidade para trabalhar e caminhar com o seu bebê de maneira mais tranquila. Confira um dos benefícios do sling para as mães e filhos: 

  • Mantém o bebê em uma posição segura após as mamadas
  • Passear de carrinho por ruas esburacadas? Com o sling isso não acontece!
  • A criança fica relaxada e dorme com mais facilidade.
  • O calor do corpo da mãe ajuda a aliviar as cólicas e refluxos dos pequenos

O tecido do sling precisa preferencialmente ser de algodão, para evitar a transpiração em excesso do bebê e o calor excessivo. 

Existem várias formas de se amarrar o sling corretamente, até mesmo para a posição da cabeça da criança ficar adequada, coloque o pano na altura do seu abdômen. Agora, cruze o tecido nas costas e puxe as pontas por cima do ombro. Para te ajudar nessa jornada de mãe empreendedora, confira aqui todos os produtos do UOL Meu Negócio e escolha o que mais tem a v