4 nichos de produtos artesanais para empreender

4 nichos de produtos artesanais para empreender

Foque em um segmento e multiplique suas chances de sucesso vendendo artesanato

É fato, o Brasil é um dos melhores países para empreender no ramo de artesanato. A criatividade, que não falta ao povo brasileiro, aliada com a grande oferta de matérias-primas, como madeiras, sementes, cerâmica, couro e fios, cria as condições perfeitas para que o artesanato floresça. 

Prova disso é que, de acordo com o IBGE, existem mais de 8,5 milhões de artesãos em nosso país. E, juntos, eles geram um faturamento que ultrapassa os 50 bilhões de reais a cada ano.

Contudo, como em qualquer negócio, só a criatividade não basta, é preciso pensar estrategicamente para criar uma empresa rentável e atrativa para o público consumidor. E uma das melhores maneiras de fazer isso é investir em nichos ou segmentos específicos.

Na sequência, elegemos quatro dos mais populares atualmente. Veja o que mais combina com você e com suas habilidades de artesão. E, depois disso, mão na massa! 

>> Leia também Como vender artesanato pela internet?

Casamentos

A celebração dos casamentos mudou muito no decorrer dos anos. Se os nossos antepassados se davam por satisfeitos com uma bela mesa de doces, muitas flores e decoração simples, hoje existem centenas de elementos para casamento que encantam os noivos e os convidados.

Para começar, antes do casamento, existem as caixas-convite para os padrinhos, que podem ser feitas de materiais como MDF e madeira e cobertas de tecido, papel ou pintadas à mão. Elas vão cheias de mimos que também podem ser produzidos artesanalmente, como sabonetes, aromatizadores de ambiente, doces, corsages… As possibilidades são infinitas!

Objetos como plaquinhas para fotos, centros de mesa, sousplats, guardanapos personalizados, lembrancinhas, manual para padrinhos, topo de bolo, buquê da noiva e porta aliança são só alguns dos preferidos atualmente!

Como é uma data especial na vida de um casal, muitos noivos prezam por produtos artesanais, feitos sob medida e únicos, o que faz desse nicho uma ótima oportunidade de negócio. Além disso, o casamento é um momento que está intimamente ligado com a realização de um sonho, o que pode deixar o orçamento dos clientes um pouco mais flexível!

Personalizados

Os personalizados são sempre itens de desejo para o consumidor, e hoje em dia praticamente tudo pode ser personalizado, seja para ocasiões especiais, como aniversários, eventos corporativos, ou mesmo para o dia a dia.

Quem trabalha com esse segmento pode atender diversos tipos de cliente e criar um portfólio muito rico. Bolsas para maternidade com nome do bebê, chinelos para festas, colares, copos e taças, nécessaires, canecas e tapetes são ótimas ideias que compõem um mix de produtos variado.

No entanto, quem deseja investir em artesanatos personalizados precisa tomar alguns cuidados. O artesanato, em si, já é algo que tem um nível alto de personalização, mas quando você coloca o nome ou as iniciais do cliente fica um pouco mais complicado lidar com desistências de compra e devoluções.

Nesse caso, o melhor caminho é ter uma política de vendas muito clara no seu site profissional, que explique em que condições um produto que já foi personalizado poderá ser trocado ou devolvido, e evitar problemas com os clientes.

>> Veja também 4 dicas para criar uma política de trocas e devoluções vendedora

Bebês e maternidade

Outro segmento que ganhou uma infinidade de novos produtos no decorrer dos anos e é um ótimo nicho para quem trabalha com itens artesanais.

Muitas mães, atualmente, preferem comprar produtos mais exclusivos, personalizados e diferentes dos que são encontrados nos grandes players do mercado e, por isso, o artesanato acaba sendo uma opção muito atrativa!

Alguns dos itens mais populares que podem ser feitos de forma artesanal são: quadros de maternidade, almofadas, roupinhas e sapatos, slings, kits de fraldas e toalhas, malas de maternidade, móbiles e elementos de decoração para o quarto.

Além dos produtos diretamente ligados aos pais e ao bebê, os artesãos ainda podem considerar em seu mix itens relacionados ao chá de bebê, ensaios fotográficos de gestante e new born e lembrancinhas que os pais costumam encomendar para agradecer às visitas depois do nascimento.

Reciclados e sustentáveis

Essa é uma tendência permanente e que tem tudo a ver com o ofício dos artesãos: transformar materiais simples e que não recebem muita atenção em verdadeiras obras de arte.

Usar produtos reciclados e que não agridam a natureza se tornou parte de um comportamento mais sustentável que é aderido por mais e mais pessoas todos os dias.

Vidro, papel, plástico e tecido são alguns dos elementos que podem ser utilizados para a confecção de roupas, vasos, artigos de papelaria em geral, bijuterias, canetas, adesivos, bolsas, móveis e muito mais.

Ainda não está vendendo seu artesanato pela internet? Monte sua loja virtual e comece a faturar. O primeiro mês é grátis!