Marketing Digital

Como identificar o público-alvo da sua empresa

5 Mins read

No universo do empreendedorismo, saber para onde direcionar as campanhas é algo que está diretamente relacionado com o consumidor ideal para o seu produto. É baseado nos gostos e nas preferências desses consumidores que o seu catálogo pode ser desenvolvido.

Por isso, aqui vai uma dica importante para você priorizar a definição do público-alvo no lugar da comunicação de massa: se você escolhe conversar com todo mundo, acaba não se comunicando com quem realmente interessa.

Para que você possa melhorar esse processo de comunicação, que tal começarmos a entender alguns conceitos básicos?

O UOL Meu Negócio vai mostrar que conhecer as características específicas de quem tem interesse na sua marca, pode fazer toda a diferença nas suas novas estratégias de vendas:

  • O que é público-alvo?
  • Por que é importante segmentar o seu público?
  • Como definir o público-alvo do seu negócio

Vamos compreender isso juntos?

O que é público-alvo?

Público-alvo é um termo bastante citado no mundo do empreendedorismo, sendo muito importante para as estratégias de vendas. Em resumo, é o grupo de consumidores com características em comum e para quem a empresa direciona suas campanhas.

Outro termo similar, mas que possui definição e objetivos diferentes é o da “persona”. Neste último, são feitas descrições de personagens fictícios que representam o perfil de cliente ideal para um determinado negócio.

Para entender melhor essas diferenças, acompanhe o próximo tópico!

Público-alvo, Persona e cliente ideal: qual o objetivo de cada estratégia?

O “público-alvo” é o que a empresa quer atingir, com um levantamento mais amplo de características comportamentais, socioeconômicas e demográficas — costuma ser usado no nível estratégico, quando é definido o posicionamento da marca no mercado, por exemplo.

Já a “persona” representa quem a empresa quer ter interação. Através de uma figura fictícia, são detalhados os hábitos, gostos, dores e necessidades da persona — sendo utilizada nas estratégias de marketing de conteúdo, social media e relacionamento.

Quanto ao “cliente ideal”, normalmente as informações levantadas são focadas nas vendas. É quando são apontadas as características de quem poderia ser o cliente perfeito da empresa, ou seja, aquela figura que traria maior rentabilidade e exigiria menos esforços para a marca.

vende-facil-lancamento

Qual o conceito de público-alvo B2C e B2B?

Entre as variantes do público-alvo, podemos encontrar dois caminhos distintos e que possuem comunicações bem diferentes.

No momento em que você for analisar com quem a sua marca deseja conversar, é importante ter em mente se o público-alvo são outras empresas (B2B) ou pessoas físicas (B2C). Vamos a um exemplo prático?

Vamos supor que o seu negócio atue na venda de alimentação natural. No caso das negociações B2C (Empresa e Cliente), os dados levantados levam em consideração as características pessoais do consumidor, por exemplo:

Seu produto será destinado a uma mulher de 30 anos, solteira, sem filhos, com renda familiar de R$ 3 mil, ensino superior completo, preocupada com o físico e a saúde, e que pratica exercícios físicos diariamente.

Agora vamos supor que você negocie no modelo B2B (Empresa e Empresa), atuando como fornecedor. Neste caso, as variáveis se referem às características empresariais:

Seu produto será destinado a micro e pequenas empresas com até 100 funcionários, faturamento de até R$ 3 milhões, e que atuam no segmento da indústria.

Percebeu a diferença das informações levantadas?

Por que é importante segmentar o seu público?

A segmentação tem como objetivo principal restringir a sua comunicação a um público mais próximo da sua marca. 

Ou seja, através de recortes com diferentes perfis de consumidor, é possível identificar quais possuem maior afinidade com o seu negócio!

Tipos de segmentação utilizadas

Na busca pelos consumidores que estão mais dispostos a adquirir os seus produtos ou serviços, você pode utilizar algumas das variáveis mais utilizadas para a definição do seu público-alvo, entre elas:

  • Demográfica: idade, gênero, estado civil, renda, ocupação, escolaridade
  • Geográfica: país, região, estado, cidade
  • Psicográfica: estilo de vida, personalidade, valores, interesses, preocupações

Vale lembrar que no caso de empresas B2B, as variáveis são diferentes. Neste caso, pode ser levado em conta o segmento de atuação, o porte da empresa, faturamento, número de funcionários e a localização.

Vantagens de ter seu Público-Alvo definido

Com o foco no público certo, você poderá desenvolver ações de marketing mais assertivas para o seu negócio. Assim, é possível se voltar para a compreensão do comportamento dos consumidores, criando estratégias e soluções específicas para eles.

E as vantagens não terminam por aí. Com o público-alvo definido, você não desperdiça tempo e dinheiro com consumidores que não têm interesse de compra e passa a adotar uma comunicação mais próxima do cliente

Além disso, o seu negócio consegue se diferenciar da concorrência, conquistando o público que se identifica com os valores da sua marca!

Como definir o público-alvo do seu negócio

Agora que já mostramos para você os conceitos básicos para entender o que, de fato, é um público-alvo, chegou o momento de partir para a prática. 

A seguir, você confere algumas dicas valiosas para começar a definir o público do seu negócio!

Analise, pesquise e estude o mercado

A partir de uma breve análise do mercado já é possível fazer um bom “raio-x” para identificar excelentes oportunidades. Isso pode ser feito através de pesquisas sobre os consumidores e suas necessidades, bem como sobre os seus concorrentes.

Conheça e avalie bem o seu negócio e o seu produto

Analisou o que está a sua volta? Então agora é hora de voltar os olhos para o seu produto. Se alguém lhe perguntar qual a solução que ele entrega, você saberá responder? 

Se a resposta for não, é o momento certo de você desenvolver uma “proposta de valor”, ou seja, definir qual o benefício que o seu produto oferece a quem o escolhe.

Segmente o mercado em que está inserido

Lembra das variáveis que segmentam o seu público? Você pode utilizá-las aqui para entender os diferentes perfis de pessoas que conversam com a sua marca. Dessa forma, é possível pensar em campanhas ainda mais personalizadas e assertivas.

Identifique as oportunidades

A concorrência já criou algum produto ou serviço que atenda as segmentações que você encontrou no tópico anterior? Se ainda não, você pode aproveitar as necessidades do seu público para se diferenciar e ganhar destaque no seu nicho de atuação.

Selecione seu segmento-alvo

Se você possui vários produtos no seu catálogo, saiba que é possível direcionar cada um deles para um segmento diferente. 

Mas, não esqueça de criar estratégias específicas para cada segmento, afinal, você estará trabalhando com diferentes perfis de consumidores.

Desenvolva estratégias para atingir o seu alvo

Por fim, não deixe de definir o seu posicionamento no mercado — e lembre-se, se você trabalha com mais de um público-alvo, deve ter um posicionamento para cada segmento. Para auxiliar nessa definição, vale usar a estratégia dos “4 Ps do Marketing” (Preço, Produto, Praça e Promoção).

Assim, você consegue definir como a sua marca vai se apresentar ao mercado e se conectar com o seu público-alvo!

Depois de contar com as nossas dicas, você agora tem todos os elementos para divulgar o seu produto para as pessoas certas, nos melhores canais e com as estratégias mais inteligentes!

Com o seu público-alvo definido, é hora de contar com um parceiro como o UOL para negociar de maneira simples e eficiente. Já conhece o Vende Fácil?

Com ele, você pode oferecer um catálogo repleto de itens que o seu público procura e do jeito que ele espera. Conheça agora mesmo um aplicativo rápido, seguro e gratuito, para você vender online. Acesse o site e saiba todos os benefícios e facilidades!

vende-facil-lancamento

Related posts
Marketing DigitalSem categoria

Por que sua Loja Virtual não vende? Veja as possíveis causas

5 Mins read
Você montou o seu ambiente virtual, categorizou os seus produtos e na hora de disponibilizá-los ao público percebeu que a sua loja…
Marketing Digital

Saiba como funciona o Google Shopping e destacar seus produtos

5 Mins read
Quando o consumidor deseja muito um determinado produto, espera encontrar o melhor valor para então finalizar a compra, correto? Mas, dependendo da…
Marketing DigitalMateriais

Persona vs Público-Alvo: Conheça as diferenças entre eles

1 Mins read
Você decidiu empreender disponibilizando os seus produtos aos clientes, mas aí percebeu que as vendas não estão acontecendo como era esperado. Você…